Em destaque

O livro em branco

Não há nada pior do que não ser nem o primeiro e nem o último em nada. Todo mundo se lembra do vencedor e do perdedor, mas ninguém perde seu tempo analisando o mediano. Com o Livro em branco não foi diferente, ele passou boa parte da sua existência em uma papelaria do centro da cidade, morando...

Leia mais

Mandamentos da Publicação Digital.

Por bookess | Postado em Dicas, Na mídia | em 22-12-2011

Tags:, ,

0

A Tecnologia trouxe ao mundo literário, uma nova forma de pensar, publicar e de ser autor. Hoje você pode publicar seu livro sem custo algum e fazer uso dos instrumentos disponibilizados pela editora para a diagramação, edição e divulgação de sua obra. Você decide quanto quer ganhar em cima de cada venda. Você tem o controle, pode ser um autor ativo em todo o processo do seu livro.

Veja algumas dicas que a escritora Maurem Kayna levantou, em forma de mandamentos, que ajudam a se pensar criteriosamente em termos de Publicação Livre, Independente, Acessível.

1. Não te atreverás a autodenominar-se escritor se não puderes fazer com a mesma ênfase a declaração de que és um leitor;

2. Não tomarás em conta, para a decisão de publicar ou não, apenas a opinião de teu cônjuge, pais ou filhos, ou ainda de teus subordinados diretos;

3. Não publicarás um eBook sem antes submeter o texto à revisão gramatical e ortográfica, pelo menos uma do próprio editor de texto;

4. Não entregarás teu livro para a edição em eBook para uma editora que demonstre descaso com a forma, que não se preocupe com as diferenças de apresentação do arquivo final em diferentes dispositivos de leitura (especialmente no caso de poesia);

5. Não acreditarás que o mundo tem o dever de conhecer e reverenciar tua obra, pelo simples fato dela ter sido disponibilizada e mencionada em suas redes sociais;

6. Não elogiarás outra obra de autor independente em vão, apenas para obter retribuições;

7. Não depreciarás a obra alheia no intuito de fazer parecer maior a sua própria;

8. Não copiarás;

9. Revisarás, muitas vezes e com muita autocrítica, cada parágrafo, cada figura de linguagem, o enredo e mesmo o título antes de dar sua obra como passível de edição;

10. Não desistirás diante de qualquer dificuldade que se lhe apresente e insistirás acreditando e usando toda criatividade disponível para fazer do eBook (o seu e os demais) uma realidade acessível e prazerosa para o público leitor brasileiro (aplicável somente após rigorosa atenção aos mandamentos anteriores).

 

Fica a dica!

 

Saudações Literárias,

Equipe Bookess.

 

Facebook quer mais!

Por bookess | Postado em Comunicados, Dicas, Na mídia | em 09-12-2011

Tags:, , ,

0

Se fossem reunidos em uma só pátria, os 800 milhões de usuários do Facebook formariam o terceiro mais populoso país do planeta. Nessa nação, as regras são determinadas por Mark Zuckerberg, de apenas 27 anos, criador e CEO da maior rede social do planeta. Há poucos dias, ele veio a público para anunciar mudanças que vão tocar a vida de todas as pessoas que utilizam o site – o que inclui 28 milhões brasileiros, entusiastas de redes.

Para Zuckerberg e seu time, que comandam a rede a partir de Palo Alto, na Califórnia, as mudanças representam a tentativa de atingir um objetivo audacioso: transformar o Facebook em uma espécie de internet dentro da internet, um ambiente onde usuários podem realizar quase todas as suas atividades.

Do lado do usuário, o plano do Facebook permitirá assistir a filmes, ouvir músicas e ler notícias provenientes de serviços como Netflix e Spotify, que oferecem conteúdos por demanda. Além disso, haverá espaço ilimitado para que cada usuário construa, em uma Linha do Tempo, uma biografia virtual. Entender as mudanças é algo fundamental para a vida on-line – e também off-line – dos cadastrados.

Fonte:  Revista Veja, outubro de 2011.