Em destaque

Um improvável santuário de livros

A nova biblioteca tem 12 mil livros em mais de duas dezenas de línguas, todos de autores holandeses. Peter Rasenberg não conseguia se lembrar da última vez que havia lido um livro por prazer. Assim, foi com alguma surpresa que o professor canadense encontrou-se em uma enorme poltrona, absorto em...

Leia mais

Felipe Kummer fala sobre seu livro no programa “Gente em evidência”

Por bookess | Postado em Na mídia | em 13-12-2012

792

Felipe Kummer fala sobre o processo de construção do seu livro “Lá não existem Flores – Busca Hereditária de Frederico Otto Kummer, uma investigação de Felipe Kummer” no programa “Gente em evidência – nº26”.

Na entrevista, Felipe fala da busca das origens da família Kummer, dentro e fora do país, das vicissitudes da vida familiar e das dificuldades que encontrou para reconstruir sua própria história.

Segundo o autor, o título “é uma metáfora para as dificuldades da vida”.

Ótima dica de leitura, o livro “Lá não existem Flores – Busca Hereditária de Frederico Otto Kummer, uma investigação de Felipe Kummer” está disponível no site da Bookess

Homenagem a Niemeyer

Por bookess | Postado em Novidades | em 10-12-2012

425

O que torna uma pessoa grande? Essa questão ficou na minha cabeça hoje. Por quê? Porque no mesmo dia morreram a mulher mais velha do mundo, a mais alta e Oscar Niemeyer.

É incrível como existem pessoas que marcam o mundo da forma errada, pelas suas potencialidades naturais, elas não escolheram ser especiais. E, talvez, nem se achem.

Outros lutam minuto a minuto para fazer brilhar a sua estrela, se tornam guerreiros, inovadores, construtores de sonhos ( essa palavra que meu aluno usou no seu documentário e que tem ecoado em minha cabeça). O que estamos construindo? Estamos construindo? Tenho medo dessa resposta. E diferente da maioria acredito que esse ano se perdeu muita experiência e estamos nos tornando insensíveis, em menos de uma semana haverá piadas, circulando na internet, sobre a morte de um dos maiores sonhadores… Não. Niemeyer não era sonhador. Era realizador. E como é difícil realizar um sonho.

Acabei de assistir na Globo News uma entrevista com ele gravada em 2002, por diversas vezes ele disse que a vida era curta. Isso também ecoou em minha alma. Como assim curta? Pra ele? É, ele com certeza sabe do que está falando. Eu tenho apenas 34 anos e, às vezes, acho que é longa demais. Mas, ele está certo. Curta para se ser feliz, para se dar auxílio a quem precisa, pra se ser humano, pra se amar quem merece ser amado. Se é curta pra isso. Imagine pra odiar, guardar rancor, detestar, querer mal. Aí não dá tempo mesmo. Fica mais curta ainda.

Oscar Niemeyer é um grande professor e embora tenha escrito uma história linda que permanecerá por séculos, a lição de vida que deixa é a humildade. Para que para ser grande é necessário acreditar que é pequeno, acreditar que pode, mas por seu trabalho, por sua incessante busca. Não por ser melhor que os outros.

“A gente tem que sonhar, senão as coisas não acontecem.”

“A vida é um sopro.”

Oscar Niemeyer

Sandra Martins Modesto

A doce (e difícil) arte de criar com as palavras

Por bookess | Postado em Na mídia | em 03-12-2012

1.040

Engana-se aquele que acredita que o ofício do escritor consiste em sentar-se, escolher um tema e pôr-se a escrever sobre ele.

Há quem escreva de acordo com as listas de best sellers para garantir um produto vendável.

Não critico. Respeito todos os tipos de escritores.

Os bons para mim, no entanto, não escolhem temas. São por eles escolhidos e trazem ao mundo, não um produto, mas a síntese entre este e a sua própria alma.

_______________________________________

 http://youtu.be/IvRb_nNN8Tc

http://www.bookess.com/profile/larissa.siriani/