• Autor(es): Castro Alves
  • Visualizações: 2841
  • ISBN: 9788565132138
  • Revisão 1
  • Editora: iBooksFromBrazil
  • Publicado: 11/03/2012
  • Atualizado: 09/01/2015
  • Situação: Completo
  • Páginas: 147
  • Categoria: Literatura e Ficção
  • Licença:
  •   1 consideram favorito
  •   2 Já leram
  •   0 estão lendo
  •   1 estão relendo
  •   0 Pretendem ler
  •   0 possuem um
  •   0 desejam ganhar
Compartilhar

Sinopse

Os 53 poemas reunidos em Espumas flutuantes (1870) sintetizam todas as características inovadoras de Castro Alves. O título incomum transmite uma poderosa idéia de transitoriedade: o desalentado poeta sente sua vida esvair-se, como as espumas no mar agitado, frente à iminência da morte (de fato, ele viria a falecer menos de 1 ano após a publicação, em 1871). A antologia inclui poemas notáveis, como: O livro e a América, Ahasverus e o gênio, Mocidade e morte, Adormecida, Ode ao dois de julho, entre tantos outros.

A obra, única publicada pelo poeta em vida, foi acatada pela crítica com enorme admiração e respeito, consagrando Castro Alves, então estudante do 4º ano de Direito, no cenário literário brasileiro. Tal aceitação permitiu que seus trabalhos póstumo fossem compiladas, entre os quais está a monumental poesia épica Os Escravos (em que se destaca o famosíssimo poema O Navio Negreiro).

Castro Alves dedica sua antologia à memória do pai, o médico Antônio José Alves; da mãe, D. Clélia Brasília da Silva Castro (filha natural do Herói da Independência da Bahia, Major Silva Castro) e de seu irmão - todos prematuramente falecidos.

Últimos comentários (registre-se para comentar)

disse
Nenhum comentário cadastrado.

mostrar todasÚltima Resenha


Nenhuma resenha cadastrada.

escrito por
Sinopse

...

 Versão Mobile
ou  
Veja mais em