• Autor(es): João Antonio
  • Visualizações: 475
  • Revisão 32
  • Publicado: 29/03/2017
  • Atualizado: 21/05/2017
  • Situação: Redigindo
  • Páginas: 101
  • Categoria: Contos
  • Licença:
  •   0 consideram favorito
  •   0 Já leram
  •   0 estão lendo
  •   0 estão relendo
  •   0 Pretendem ler
  •   0 possuem um
  •   0 desejam ganhar

O Retorno do Coronel Parte 21

Compartilhar

Sinopse

Henry vê uma pinta vermelha, em sua mão, o General estremece, sabia o que era aquela luz laser, estava encrencado, pois procurara saber a ficha do “louco” no Brasil, segundo essa, ele não tem limite para matar, e aqui parece igual.
O General ao mesmo tempo imaginava como o sujeito estava invadindo a casa dele, um General do Exército dos Estados Unidos da América, ele procura pelas sentinelas, estavam a posto, parecia tudo em paz, nem um ruído, apenas o ponto vermelho, o qual estava agora no seu peito, sabia caso mexe-se, grita-se, talvez em verdade nem houvesse tempo, nem som, melhor era ficar quieto.
Atrás das folhagens da varanda sente o cano de uma automática de grosso calibre em seu pescoço, uma mão sai das folhagens e segura seu pulso, lhe diz sem emitir som, para ficar quieto, não ria matá-lo, só retirar o que precisava, e deixá-lo como um pouco melhor que primeiro Senador, nesse momento as lembranças de uma vida inteira passam, como que sugados por redemoinho, paras mãos de Eric, durante alguns segundos, o General morre, para logo após, o Coronel voltar algumas informações para manter o corpo vivo, e ele poder brincar com os netos, filhos, noras, genros, esposa, não mais que isso, poucas lembranças.
Minutos depois a pinta vermelha desaparece, cerca de duas horas após o General acorda, não dizendo coisa com coisa, somente a CIA sabia que tinha coisa errada, custaram a encontrar a laranja podre, no dia que iriam dar o bote, ele caduca e o dinheiro, trinta milhões de dólares some.

Últimos comentários (registre-se para comentar)

disse
Nenhum comentário cadastrado.
1 no totalComentários anteriores  

mostrar todasÚltima Resenha


Nenhuma resenha cadastrada.

escrito por
Sinopse

...

 Versão Mobile
ou  
Veja mais em